segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

Na Luta contra o mosquito!

Alô Garotada!

Vamos participar desta luta contra o mosquito Aedes Aegypti aprendendo e seguindo direitinho como fazer para que ele não se reproduza.
Como combater.
Para eliminar os criadouros e evitar a reprodução e proliferação do aedes aegypti
- Não deixar água parada em pneus fora de uso. O ideal é fazer furos nestes pneus para evitar o acúmulo de água;
- Não deixar água acumulada sobre a laje de sua residência;
- Não deixar a água parada nas calhas da residência. Remover folhas, galhos ou qualquer material que impeça a circulação da água.
- A vasilha que fica abaixo dos vasos de plantas não pode ter água parada. Deixar estas vasilhas sempre secas ou cobri-las com areia;
- Caixas de água devem ser limpas constantemente e mantidas sempre fechadas e bem vedadas. O mesmo vale para poços artesianos ou qualquer outro tipo de reservatório de água;
- Vasilhas que servem para animais (gatos, cachorros) beber água não devem ficar mais do que um dia com a água sem trocar;
- As piscinas devem ter tratamento de água com cloro (sempre na quantidade recomendada). Piscinas não utilizadas devem ser desativadas (retirar toda água) e permanecer sempre secas;
- Garrafas ou outros recipientes semelhantes (latas, vasilhas, copos) devem ser armazenados em locais cobertos e sempre de cabeça para baixo. Se não forem usados devem ser embrulhados em sacos e descartados no lixo (fechado).
- Não descartar lixo em terrenos baldios e manter a lata de lixo sempre bem fechada;
- As bromélias costumam acumular água entre suas folhas. Para evitar a reprodução do mosquito, o ideal é regar esta planta com uma mistura de 1 litro de água e uma colher de água sanitária.
- Sempre que observar alguma situação (que você não possa resolver), avisar imediatamente um agente público de saúde para que uma medida eficaz seja tomada.
VOCÊ É MAIS FORTE QUE O MOSQUITO!

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

AESM-Rio define escolas premiadas com o Troféu Olhômetro e Estandarte do Samba

Salve! Salve!


A diretoria da Associação das Escolas de Samba Mirins definiu na noite desta sexta-feira, dia 12, as escolas de samba agraciadas com as premiações oficiais Olhômetro e Estandarte do Samba Mirim. Concedido através de uma avaliação feita por profissionais e militantes em diversas áreas do conhecimento com ligação ao carnaval, o Troféu Estandarte do Samba Mirim foi definido durante os desfiles realizados na Terça-feira de Carnaval (9), quando as agremiações se apresentaram diante das cabines de julgamento do 2º e 3º módulos na Passarela do Samba.
Vale apena ressaltar que nos desfiles mirins além dos quesitos tradicionais, são avaliados a Ala de Baianas, Ala de Passistas, Rainha de Bateria e Conjunto, além da votação de todos os avaliadores na agremiação que melhor interagiu com a plateia, definindo assim a escola premiada com a melhor Comunicação com o Público. Confira as escolas agraciadas com o Troféu Estandarte do Samba Mirim – Carnaval 2016:
  • Miúda da Cabuçu – Ala de Passistas
  • Mangueira do Amanhã – Alegorias e Adereços, Evolução, Fantasias, Enredo, Comunicação com o Público e Intérprete (Dowglas Diniz);
  • Pimpolhos da Grande Rio – Bateria, Baianas e Conjunto;
  • Corações Unidos do CIEP – Comissão de Frente
  • Estrelinha da Mocidade – Harmonia e Samba Enredo
  • Infantes do Lins – Mestre Sala e Porta Bandeira
  • Aprendizes do Salgueiro – Rainha de Bateria
A mais tradicional entre as premiações concedidas às agremiações pertencentes ao Grupo Mirim, desde 2003 abrilhanta os futuros sambistas com troféus em todos os quesitos. Porém a diferença está no critério que define as escolas agraciadas. Todas as escolas são premiadas, nos quesitos ou segmentos que melhor se destacaram durante os desfiles, podendo assim, termos mais de uma agremiação premiada. O Troféu Olhômetro é definido através da votação entre os diretores da AESM-Rio. Confira:
  • Filhos da Águia – Samba Enredo
  • Golfinhos do Rio de Janeiro – Enredo
  • Miúda da Cabuçu – Ala de Baianas
  • Herdeiros da Vila – Samba Enredo
  • Império do Futuro – Intérprete
  • Mangueira do Amanhã – Fantasia
  • Pimpolhos da Grande Rio – Mestre Sala e Porta Bandeira
  • Corações Unidos do CIEP – Comissão de Frente
  • Nova Geração do Estácio de Sá – Alegorias e Adereços
  • Ainda Existem Crianças de Vila Kennedy – Harmonia
  • Petizes da Penha – Interprete
  • Estrelinha da Mocidade – Bateria
  • Tijuquinha do Borel – Alegoria
  • Infantes do Lins – Mestre Sala e Porta Bandeira
  • Aprendizes do Salgueiro – Rainha de Bateria
  • Inocentes da Caprichosos – Bateria